Farinheira em ceramica pintada a mao

As peças expostas aqui o são com o único fim de mostrar e divulgar o trabalho em ceramica feito no Vale do Jequitinhonha,um dos melhores exemplos do Artesanato Mineiro. A DOuroPreto não não comercializa nem intermedia vendas da ceramica do Vale do Jequitinhonha,e os contatos devem ser feitos diretamente com os produtores. Os trabalhos com barro no Vale iniciaram-se com a confecção de peças utilitárias que eram feitas pelas mulheres chamadas de paneleiras. A tradição manteve-se através das gerações- bisavós, avós, mães e filhas. Faziam moringas, vasilhas, panelas, potes etc, tudo com uma marcante influência indígena. Produziam também figuras para adornar Presépios e brinquedos utilizados pelas crianças. Com o passar do tempo passaram a produzir peças decorativas “de enfeite” como dizem. Figuras humanas, animais, cenas do cotidiano, tipos, usos e costumes da região. No processo usam rudimentares fornos a lenha, a técnica dos roletes (cobrinhas), ao invés do torno de oleiro, placas e toscas ferramentas. Os pigmentos usados na decoração (pintura) são naturais extraídos de barro encontrados nas muitas jazidas de argila da região. A Associação dos Artesãos de Santana do Araçuaí, entidade criada em 1989, que promove Oficinas para os seus membros e comercializa em sua sede a produção cerâmica de seus associados, tanto utilitárias quanto decorativas: bonecas de variados tamanhos, flores, moringas, jarras, potes, sopeiras, saladeiras, fogareiros, galinhas, jogos para feijoada, miniaturas, farinheiras, cinzeiros, vasos, figuras de presépios etc. (Pesquisa e texto: Renato Wandeck)

ID# : FR1


Sobre ]  [ Contate-nos ]  [ Servicos ]  [ Estoque bordado para pronto envio ]  [ Mapa do site - Bordados a mao  ]  [ Portal para o Artesanato de Ouro Preto ]  [ BH ]  [ O Risco do Bordado ]  [ Redecard, a Inimiga do Lojista ] 
published with CatGen 
Published with CatGen